Ricardo Martins 3º Dan (Aikido Tradicional)

CREF 00482-P/RJ, Grau Prêto em MuayThai e KickBoxing, Treinador de Boxe, CrossFit – L1 Trainer, Coach especializado em Treinamento Físico Funcional e Pilates

Archive for the ‘Glossários’ Category

Técnicas

tit_tecnicas

Kanji

A) Katame Waza Controles
IK-KYO - (1º princípio) Flexão do pulso.
NI-KYO - (2º princípio) Torção do pulso para dentro.
SAN-KYO - (3º princípio) Torção em parafuso do pulso.
YON-KYO - (4º princípio) Pressão sobre o antebraço.
GO-KYO - (5º princípio) Agarramento do pulso pelo lado de dentro.

B) Nage Waza Projeções

IRIMI NAGE - Projeção entrando.
KOTE GAESHI - Projeção por torção do pulso para fora.
SHIHO-NAGE - Projeção nas quatro direções.
UDEKIMENAGE - Projeção sob o braço.
UCHIKAITEN-NAGE – Projeção rotativa.
TENCHI-NAGE - Projeção “Céu-Terra”.
JUJIGARAMI - Projeção sobre braços cruzados.
KOSHINAGE - Projeção dos quadris.
KOKYUNAGE - Projeção respiratória.

REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA:
VILLADORATA, Massimo N. Di. Aikido: sobretudo um estado de espírito, uma arte marcial, uma técnica. Fotos de Patrice Grisard. Tradução de Micheline Christophe. Revisão Técnica de Rudolf Hermanny. Rio de Janeiro: Editora Record, [1973].

  • Comments Off
  • Filed under: Glossários
  • Vocabulário – Busca Rápida.

    saiba_mais2

    Cópia de AI preto

    AI – idéia de unir, juntar, amor.

    A
    AI – idéia de unir, juntar, amor.
    AIHAMNI – Nague e Uke no mesmo KAMAE.
    AIKI – o princípio da união universal, a idéia central do AIKIDO visando unir os KI.
    AIKIDO – arte marcial baseada no AIKI.
    AIKIJUJITSU – arte-mãe do AIKIDO.
    AIKIKAI – qualquer DOJO filiado ao HOMBU DOJO do Japão.
    AIKI TAISO – série de exercícios energéticos.
    ASHI – pé.
    AYUMI ASHI – andar normal com as pontas dos pés para fora.
    ATEMI – golpe traumatizante em ponto vital.

    B
    BO – bastão com mais de 1,50m.
    BOKKEN – espada de madeira.
    BOKKUTO – espada de madeira.
    BUDO – caminho do guerreiro.
    BUSHIDO – código de honra do SAMURAI.

    C
    CHIKARA – força muscular.
    CHUDAN – altura média.

    D
    DAI – grande.
    DAISHIZEN – natureza.
    DAITORYU – nome de escola de AIKIJUJITSU.
    DAN – graduação de faixa-preta.
    DAYMIO – senhor feudal.
    DEAI – momento de contato.
    DO – caminho.
    DOGI – vestimenta da prática de AIKIDO.
    DOJO – literalmente, local onde se busca a Iluminação, academia para a prática do AIKIDO
    DOMO ARIGATO – agradecimento
    DOSHU – o sucessor direto do Fundador, seu filho Kishomaru Ueshiba (falecido).

    E
    ERI – gola da túnica do DOGI.

    F
    FURIDAMA – purificação com a vibração das mãos, ritual Shintoísta.
    FUNAKOGI – o exercício do remo japonês.

    G
    GASHUKU – encontro de YUDANSHAS.
    GYAKU – posição invertida, contrária.
    GEDAN – baixo.
    GO – cinco.
    GO HO – girar para as cinco direções.
    GOKYO – quinto princípio do AIKIDO.

    H
    HAKAMA – calça de gala do SAMURAI.
    HAMNI – posição do corpo.
    HANDACHI – Nague em SEIZA e Uke de pé.
    HARA – centro da vida situado no abdômen.
    HEIHO – arte da guerra.
    HENKA WAZA – variação de técnica.
    HIDARI – esquerdo.
    HIKARI – luz.
    HO – exercício.
    HOMBU DOJO – sede central política do AIKIDO no Japão.

    I
    IAIJUTSU – antiga arte de sacar a espada.
    IAIDO – o IAIJUTSU como caminho de vida.
    IRIMI – entrada, avanço.
    ITI – um, primeiro.

    J
    JIU WAZA – técnicas livres no qual um ou vários UKE atacam simultaneamente o NAGUE.
    JO – bastão curto de 1,20m.
    JUMBITAISO – aquecimento das articulações.
    JU – livre, suave.
    JITSU – técnica, arte.
    JODAN – posição alta, acima da cabeça.

    K
    KAITEN – girar/rolar como uma bola, envolver.
    KAMAE – postura de guarda do AIKIDO e do KENJUTSU.
    KAMI – espírito, deus, alma.
    KAMIZAMA – local onde reside um KAMI.
    KANSHA – gratidão.
    KATA – seqüência da técnica.
    KATANA – espada japonesa.
    KATATE TORI – pegar o pulso do NAGUE.
    KEIKO – prática constante.
    KEIKOGUI – vestimenta da prática de artes marciais.
    KENDO – literalmente, caminho da espada.
    KENJUTSU – antiga arte da espada.
    KI – energia vital.
    KIAI – grito para purificar as energias.
    KIHON – conjunto de KATAS de determinado KYU.
    KIME –foco, pressão.
    KIRI – corte.
    KIWODASU – estender o KI.
    KOKORO – coração, sentimento.
    KOKYU – respiração, pulsação, expansão e contração.
    KON – mente.
    KOSHI – quadril.
    KOTEGAESHI – torção do pulso.
    KOTODAMA – o espírito das palavras, o estudo da energia por trás dos sons.
    KUMITE – combate.
    KUZUSHI – desequilíbrio.
    KYU – grau anterior ao DAN.

    M
    MAAI – distância física e psicológica entre NAGUE e UKE.
    METSUKE – contato visual antes da técnica.
    MOKUSO – meditação, concentração.
    MOROTE TORI – UKE segura o antebraço do NAGUE com ambas as mãos.
    MIGI – direito.
    MISOGUI – purificação.
    MUSSUBI – sinônimo de AIKI, juntar, colar.
    MUSHIN – vazio mental.

    N
    NAGUE – quem executa a técnica.
    NAGUE WAZA – técnicas de arremesso. Ex.: Irimi Nague, Shiho Nague, etc.
    NI – dois em japonês.
    NIHON –povo japonês.
    NIKKYO – segundo princípio.
    NYUMON – entrar pelo portal, ser admitido.

    O
    OBI – faixa que compõe o DOGI.
    OMOTE – fazer a técnica em IRIMI.
    OMOTO KYO – religião neo-Shintoísta.
    ONEGAESHI MAS – pedido de permissão para iniciar algo, um convite.
    OSAE – imobilização.
    O SENSEI – Grande Mestre; título dado ao Fundador do AIKIDO, Morihei Ueshiba (falecido).
    OTOSHI – jogar o corpo.

    R
    REIGI – etiqueta.
    ROKU – seis.
    RYO TE TORI – Uke segura ambos os pulsos do Nague.
    RYU – escola especializada em determinada arte.

    S
    SABAKI – movimentação de esquiva.
    SAIKA NO ITEN – ponto central do HARA.
    SAMURAI – literalmente, um servidor (do verbo samuru: servir), guerreiro medieval japonês.
    SAN – três.
    SANKYO – terceiro princípio.
    SENSEI – mestre de arte marcial japonesa.
    SEIGAN – altura média (CHUDAN KAMAE)
    SEIZA – posição formal ajoelhada.
    SUARI – técnica de joelhos.
    SUMI – canto, protuberância, quina.
    SHI – quatro.
    SHIDOIN – instrutor.
    SHIHAN – instrutor-mestre.
    SHIHO – quatro lados.
    SHIKKO – andar formal de joelhos.
    SHIME – estrangulamento.
    SHIN – espírito.
    SHINAI – espada de bambu do KENDO.
    SHINTOÍSMO – religião original do Japão.
    SHODAN – faixa-preta 1º DAN.
    SHOMEN UTI –golpe de TEGATANA na cabeça.
    SHUGYO – treinamento austero.

    T
    TAI – corpo.
    TACHI – espada longa.
    TAKEMUSSU – última criação do Fundador; arte marcial de natureza divina.
    TANTO – faca.
    TATAMI – esteira de palha ou qualquer material que absorva o impacto das quedas, que recobre o piso de um DOJO.
    TE –mão.
    TEGATANA – mão-espada.
    TEKUBI – pulso.
    TENCHI – Céu-Terra.
    TENKAI ASHI – pivô sobre os pés.
    TENKAN – giro de esquiva.
    TORI – pegar, agarrar, defender.
    TSURI ASHI – movimentar-se deslizando e mantendo o mesmo pé à frente.
    TSUKI – soco, abertura.

    U
    UCHI – dentro.
    UCHIDESHI – aluno interno.
    UDE – braço.
    UKE – aquele que recebe a técnica do NAGUE.
    UKEMI – defesa com rolamentos e quedas.
    UNDO – prática.
    URÁ – fazer a técnica com um TENKAN.
    USHIRO – por trás.

    W
    WA – sinônimo de AI, harmonia.
    WAKA SENSEI – filho de DOSHU e atual sucessor na organização.
    WAZA – técnica.

    Y
    YUDANSHA – faixa-preta.
    YOKO – de lado, lateral.
    YONKYO – quarto princípio.

    Z
    ZANSHIN – estado de alerta que deve ser mantido durante e após qualquer atividade ou técnica.
    ZEMPO – para frente.
    ZORI – sandálias.

    REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA:
    BULL, Wagner; NOEHME, Luciano. Aikido: curso básico. 1ª. ed. São Paulo: Editora Escala, 1998.

  • Comments Off
  • Filed under: Glossários
  • Lembre-se:

    "A aceitação da dor é o primeiro passo para suportá-la, caso contrário, o pessimismo, a impaciência e a intolerância, poderá transformá-la num fardo alem de suas forças." Ivan Teorilang

    Frase do Dia:

    Está se sentindo desorientado (seu "aiki" não está rolando), não sabe o caminho (DO) que deve seguir, tem problemas existenciais, precisa de aconselhamento. Percebe que uma "intervenção", no seu caso, é necessária porque já identifica problemas somáticos, psíquicos ou psicossomáticos.
    Não procure uma arte marcial, yoga ou atividade física. Nenhum "sensei", nenhum "shihan" por mais "graduado", experiente, maduro e inteligente que esta "divindade" seja vai te ajudar. Filiações não funcionarão, tampouco... Não perca seu tempo com guru, sensei, shidoin, shihan, Krus, do, jutsu etc... Você precisa de um profissional competente e devidamente habilitado para te ajudar no restabelecimento de seu bem-estar e de sua saúde.

    Arquivos:

    Posts mais recentes:

    Recent Trackbacks:

    Categorias:

    Caro(a) Colaborador(a):

    Sugestões inteligentes, críticas edificantes serão sempre muito bem vindas.

    Entenda, por favor, que todo ser humano comete erros e se engana apesar dos cuidados tomados e de todas as revisões feitas antes da publicação.

    Ao encontrá-los, não se acanhe, entre em contato para que possamos melhorar os serviços, por gentileza.

    Muito obrigado

    Ricardo Martins
    sensei@ricardomartins.pro.br